Portal da escrita

Início » Novos Talentos » JACÓ E O LOBO

JACÓ E O LOBO

Esta história não é original. É uma adaptação de uma pequena narrativa contida no “Livro do Justo”, uma relíquia da literatura, um antigo livro que é citado na Bíblia e, pouco a pouco, vem sendo redescoberto na atualidade. No blog ” Torre dos Atalaias“, é possível encontrar o livro todo traduzido, capítulo por capítulo.

Esse livro traz algumas informações novas sobre os personagens dos primeiros livros da Bíblia. Moisés, por exemplo, é apresentado como um guerreiro, um bravo combatente militar que teria se tornado até rei da Etiópia antes de se tornar líder do povo judeu.

Se, na Bíblia, fala-se de uma jumenta que falou, no Livro do Justo fala-se de um lobo. O caso aconteceu assim…

Jacó tinha 11 filhos, mas o seu preferido era José. Na verdade, eram 12 filhos, mas o caçula ainda era muito novo na época. Os irmãos mais velhos tinham inveja dele e, certa vez, em que José foi ao seu encontro no trabalho, eles resolveram se livrar do rapaz. Atiraram-no em um poço e, depois, venderam-no aos midianitas que, por sua vez, o venderam aos ismaelitas. Os ismaelitas o venderiam aos egípcios.

Para ludibriar seu pai, os irmãos rasgaram a túnica de José e sujaram-na com o sangue de um cabrito, dizendo que José havia sido morto por uma fera. Desgostoso, Jacó ordenou aos filhos que caçassem a besta que dera fim ao seu filho e a trouxessem para ele.

Assim, os 10 irmãos de Jacó foram ao campo e o primeiro animal que acharam foi um lobo. Acuaram e apanharam o animal, levando-o a Jacó. Jacó, choroso, desesperado, inquiriu a besta:

– Então, por que mataste meu filho? Por que fizeste isso, criatura? Agora, Deus cobrará de ti esse ato malévolo!

Foi aí que o lobo abriu a boca e falou:
– Sou inocente do sangue que me imputas. Não matei teu filho. Também eu ando à procura de meu filho que foi caçado pelos homens e ainda não o achei. Não devorei teu filho, nem nunca devorei homem algum durante toda a minha vida.
Jacó, então, libertou o animal e continuou pranteando a morte de José. Só anos mais tarde, a verdade seria revelada. José se tornaria primeiro homem do faraó, perdoaria seus irmãos e levaria todos eles e seu pai para habitar na terra do Egito. O povo judeu se multiplicaria no país e acabaria na condição de escravos. Moisés, o príncipe do Egito, libertaria seu povo, conduzindo-o do Egito pelo deserto rumo à Terra Prometida.
Para conferir a história de “Jacó e o Lobo”, acesse este link:
http://torredosatalaiasdejesuscristo.blogspot.com.br/2013/04/a-heranca-roubada-livro-de-jasher-43-

Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: