Portal da escrita

Início » Mensagens » Vozes que nos cercam

Vozes que nos cercam

fontcandy-159

Diariamente somos cercados por vozes, por todos os lados elas ecoam e cabe a nós decidir qual delas vale a pena ser ouvida. Essas vozes podem exercer grande influência sobre nossas ações, podendo nos fazer praticar o bem ou o mal, avançar, estacar ou retroceder. Por exemplo:
Diante de uma adversidade as vozes da fé, da confiança, da coragem, soarão com o intuito de nos fazer avançar, em contra partida as vozes da incredulidade, da dúvida, da covardia, soarão na intenção de nos fazer estacar, não tomar uma atitude diante da situação ou pior, fugir do problema que precisa ser resolvido.
Há ainda porém, aquelas vozes que ao meu ver são ainda mais perigosas, elas são tão nocivas que não só causam danos a nós, como também causam grandes danos àqueles que nos amam e nos cercam. Elas são as vozes que nos fazem retroceder e não da maneira positiva, pois as vezes cometemos erros que para concerta-los, precisamos voltar atrás e agir diferente.
Neste caso, elas agem de maneira negativa e nos põe em retrocesso moral e pessoal, ou seja, nos faz voltar à situações ruins das quais já havíamos saído, ou nos faz perder bens inestimáveis que demorou muito para conquistá-los.
Aquelas vozes que estimula um indivíduo a colocar em risco um longo relacionamento verdadeiro, por mera diversão passageira.
Aquela que motiva um indivíduo que lutou tanto para sair do mundo das drogas, a cair no vício novamente. Que impele uma pessoa recém saída do presídio, voltar a praticar delitos e novamente retornar ao cárcere.
Aquela que impele alguém a se vingar de um ofensor, ou até mesmo de um criminoso, tornando o criminoso em vítima e a vítima em criminosa, com isso saqueia a liberdade dela, encerrando-a por longos anos na prisão.
A voz da inferioridade, da tristeza, que é capaz de aprisionar uma pessoa no poço da depressão, impelindo-a a desistir da vida.
O fato é que, há muitas vozes que nos cercam e se não nos concentrarmos, é bem possível que acabamos confundidos.
Há aqueles que preferem ouvir a voz da razão, bom…. mas nem sempre a nossa razão tem razão.
Há outros que preferem dar ouvido a voz do coração, bom… para isso é preciso ter muito discernimento, pois o nosso coração as vezes se engana.
Bem, prefiro falar de mim, eu tenho dado ouvido à uma Voz que tem me guiado e nunca falhou comigo, a voz do BOM PASTOR ( Jesus/Deus ).
Mas como é possível distingui-la em meio a tantas vozes?
Ela se encontra nas Escrituras Sagradas e em todas as vozes que nos impele à prática do bem, visando não só o nosso bem como dos demais, aquelas que nos motiva a avançar e que só nos acrescenta.
Não é tão difícil de distinguir, afinal há um abismo de diferença entre o certo e errado. Entre o bem e o mal. Entre a Luz e as trevas.
Convido a você, a parar um minutinho e meditar…
A que voz, você tem dado ouvido?

Que a Luz do Altíssimo te guie, pela jornada da vida.
BOA SEMANA.

*** Monýh Oliver

https://www.facebook.com/AbrigodaAlma/D

Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: