Portal da escrita

Receba nossa novidades em primeira mão!

Junte-se a 56.380 outros seguidores

Bem-vindo ao Portal da Escrita!

SITE / LIVRARIA / SOBRE MIM / NEWSLETTER

“Era o dia quatro de setembro de 2015 quando eu nasci. Tão pequenino! Mas com uma missão maior do que eu poderia imaginar: mostrar ao mundo que escrever poderia ser divertido.

Foram tantos contratempos, tantas dificuldades ao tentar conquistar meu objetivo. Mas eu não desisti! Perseverei e aos poucos, as pessoas começaram a me ouvir, e veja só, começaram até a gostar da minha companhia.

O tempo passou, eu cresci, e sabe como é, precisava de um espaço maior onde pudesse arrumar tudo do jeitinho que mais gosto e que também, comportasse todos os meus sonhos.

Mas não queria um espaço só meu. Você é meu convidado especial nesse cantinho!

Como chegar aqui? É fácil… Siga em frente na avenida Sonhos, vire à esquerda na travessa da Fantasia (cuidado com as ideias espalhadas pelo chão, ali costuma ser uma bagunça), vagueie sem pressa até encontrar um portal. Assim que encontrá-lo, entre sem medo. Pronto! Você chegou.

Ah! Pode trazer quantas pessoas quiser. Aqui tem espaço para todos os sonhos do mundo. E o melhor, aqui eles se tornam reais.”


O Portal da Escrita foi criado em 2015, e tem como meta, mostrar que a escrita é para todos e que a literatura pode ser divertida. Nas oficinas produzidas pelo Portal, todos são protagonistas: ensinando, aprendendo e criando de forma colaborativa, transformando desde a menor ideia em grandiosos e inovadores projetos.

Nosso primeiro lançamento foi o livro digital Jovens Escritores, Grandes Histórias em 2015 e em 2016, o livro físico Do Nascimento ao Epitáfio, já publicado pela editora Illuminare, livro que reuniu alguns dos contos produzidos em nosso I Game Literário e contou com a participação de escritores do Brasil e de Portugal, além de juradas maravilhosas <3.

Se você tem um projeto diferente, criativo, inovador, saiba que aqui tem espaço para todos os sonhos do mundo. E o melhor, aqui eles se tornam reais.

Seja bem-vindo ao Portal da Escrita!


Livros, cursos, oficinas e workshops para quem ama e/ou sonha em viver de literatura ❤

Agora também teremos conteúdo exclusivo para os vestibulandos!!!

O Portal da Escrita na internet.


Conheça também a nossa revista: Litera Digital e a nossa editora, a editora IKIGAI.

Trazendo uma oportunidade real de publicação para novos autores.

Esperamos por vocês!!!

Revista Litera Digital – 01/2017 – Plataformas Digitais

Lançamento: 10 de janeiro

Quero ler!


Quer ter seu texto publicado aqui no Portal? Preencha o formulário e aguarde nosso contato.

 Assine nossa newsletter e não perca nenhuma novidade.

O CENTAURO E A SEREIA

Havia, no bosque, um centauro que se gabava de ser o melhor atirador de flechas da região. Andava sempre com seu arco a tiracolo e sua aljava cheia de flechas. Todo centauro gosta de caçar touros e, por isso, quando ele aparecia em uma campina na qual os touros pastavam, esses animais fugiam a rápido galope com medo dele. E o centauro ia ao seu encalço, atirando flechas e caçando os pobres animais.

Sendo tão bom caçador, o centauro tinha vários escravos, ou seja, os próprios touros que caçava. É verdade que alguns desses touros viravam comida e iam parar no bucho sem fundo do centauro, que gostava de churrasco mal passado. Os que não viravam comida viravam escravos e serviam o centauro em todos os seus desejos. Assim, o centauro arrogante atrelava os touros a carroças e arados, colocava-os para puxar grandes toras de madeira ou grandes blocos de pedra e usava-os como montaria para alguns conhecidos seus, como o sátiro Fauno.

Mas, Fauno não fazia questão de montar no lombo dos touros, pois era contra a escravidão:

– Os touros têm o mesmo direito à liberdade que você e eu! – dizia ele ao centauro arrogante – Ninguém tem o direito de tirá-los das campinas, colocar arreios neles e obrigá-los a trabalhar contra sua vontade.

Mas, o centauro não queria saber de conversa e continuava caçando. Além dos touros, ele caçava veados, pombas, coelhos, raposas e patos.

Um dia, Fauno falou para o centauro:

– Sabia que no mar aqui perto vive uma sereia muito bela e vaidosa que se gaba de arrastar para o fundo do mar os mais fortes marinheiros, os mais experientes e viajados?

– Não sabia!

O centauro não sabia de nada que não se relacionasse à sua própria força e à sua própria esperteza. Para ele, o mundo girava em torno de seu umbigo.

– Pois, é verdade! – continuou Fauno – Ela já levou a pique milhares de embarcações, desde pequenos barcos até grandes navios.

Mas, o centauro não se importou com aquilo e até esqueceu o assunto. Um dia em que perseguia um coelhinho muito ágil, foi parar nas margens do mar sem fim. Parou para contemplar aquela imensidão de água e, por um momento, sentiu-se pequeno diante do oceano, cujas ondas iam até o alto e caíam com força, engolindo tudo.

Mas essa admiração durou pouco. Logo, o centauro, grande caçador que era, encheu o peito de ar e continuou caminhando, de arco armado, em busca do coelhinho. De repente, ouviu uma voz doce e belíssima que parecia preencher todo o ar ao seu redor. Era uma linda voz que cantava uma linda canção – uma melodia tão maravilhosa e uma voz tão encantadora que nem o mais afinado cardeal, sabiá ou canário poderia imitar.

O centauro parou e ficou procurando de onde vinha a voz. Olhou para o céu, mas nada viu. Olhou para a terra, mas nada achou. Olhou para o ar, mas só sentiu a lufada do vento em seu rosto. Então, olhou para o mar sem fim e viu, apoiada em uma pedra, uma linda mulher de cabelos dourados que brilhavam como o próprio sol. Sua pele era alva e sua boca muito vermelha e, enquanto ela cantava, chamava com os dedos o centauro para junto dela.

Atraído por tanta beleza, o centauro largou o arco e a flecha e entrou na água, caminhando enfeitiçado na direção da sereia. Foi indo, indo, indo… Chegou bem pertinho dela. A sereia, sorrindo, mergulhou no mar. E o centauro foi atrás, seguindo-a para seu reino. Afundou e nunca mais voltou à superfície. A sereia fez do centauro um escravo e o usava para carregar coisas no fundo do mar, para arrastar pedras, para conduzir outras sereias em seu lombo, para todo tipo de serviço pesado.

Lá em cima, o coelhinho, vendo que o centauro mergulhara para sempre, apanhou seu arco e a flecha caída e voltou ao bosque para contar a novidade.

Tudo havia sido combinado. A sereia era amiga dos touros e dos outros animais do bosque, que iam sempre à beira do mar, contemplar o horizonte. Ela resolveu ajudá-los a se libertar do jugo do centauro.

– Atraiam o centauro para cá e eu farei o resto! – ela falou.

Foi por isso que o coelhinho levou o centauro até o mar. O arco e a flecha do centauro foram quebrados. Como os animais ficaram alegres, livres do centauro arrogante que os caçava e fazia os touros de escravos! Agora, os touros pastavam livremente nas campinas, os coelhos pulavam no mato, os patos nadavam alegremente nas lagoas azuis.

Fauno, velho amigo do centauro, compôs uma melodia para ele – uma triste melodia de despedida.

Quanto à formosa sereia, continuou causando tragédias, levando a pique as mais potentes embarcações e orgulhando-se disso. Até que, um dia, um enorme cachalote branco, farto de ouvi-la contar suas façanhas, engoliu-a.

 

MORAL DA HISTÓRIA:

Todos têm suas qualidades – o importante é saber usá-las!

Use seus talentos para fazer amigos e não para criar inimigos.

SÓ DEPENDE DE VOCÊ

 

As Palavras de ValeknorA falta de atenção ao ensino, resulta em não aprendizado.
A falta de foco, resulta em uma jornada sem rumo.
A falta de força de vontade, resulta em uma vida estagnada.
A falta de coragem, resulta em atos de covardia.
A falta de fé, resulta em uma vivencia de impossibilidades.
A falta de paciência, resulta em ações precipitadas.
Enfim, a falta de Deus, resulta em uma existência vazia.
Somos o reflexo de nossos atos. Somos hoje, o que fizemos ontem.
Se não gosta do que és hoje, não fique estagnado. Aja! Faça algo diferente.
Só haverá mudança, quando verdadeiramente houver a vontade de mudar.
Muitos tendem a se fazerem de vítimas da situação. Porém, só é vítima quem aceita e se acomoda nessa posição.
Adversidades existem. Dificuldades também! Elas não desaparecerão só porque fazemos biquinho.
É preciso tomar uma posição. Resolver ter atitudes positivas para reverter a situação.
Talvez você olhe à sua volta e reconheça que não há mais força em ti e não conseguirá sozinho. Em uma coisa você está coberto de razão; realmente não conseguirá sozinho e nem há motivo para isso. Há um Deus disposto a caminhar contigo nesse vale e te fortalecer durante a jornada.
No maior livro de todos os tempos, em Isaías 40:28-29 vemos a seguinte afirmação:
“Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o Senhor, o Criador dos fins da terra, nem se cansa nem se fadiga? Não há esquadrinhação do seu entendimento. Dá esforço ao cansado, e multiplica as forças daquele que não tem nenhum vigor.”
Pessoas falham e nos decepcionam, Deus não! Portanto, existir um Deus que é Onipotente e que está disposto a nos auxiliar e compartilhar de sua presença e amor e abrirmos mão disso, é o mesmo que abrir mão da luz para vagar erroneamente nas trevas.
Por mais que no momento tudo esteja dando errado e você se encontra perdido. Saiba que as coisas podem mudar. Só depende de qual atitude irá tomar. Só depende de você!

 

Monýh Oliver

https://www.facebook.com/AbrigodaAlma/

APRENDA COM AS ÁGUIAS

 

AdobePhotoshopExpress_3148d1896c5544328741e342142764eb

Sabia que uma águia sabe quando uma tempestade se aproxima muito antes dela começar? Ela voa para um lugar alto e espera os fortes ventos que virão.
Quando a tempestade chega, ela estende suas asas e usa o vento para sobrevoar acima da tempestade.
Enquanto a tempestade está passando e causando transtorno e até mesmo destruição, a águia voa acima dela.
Algo interessante a ressaltar é que a águia não foge da tempestade, ela simplesmente a usa para se erguer e voar mais alto.

Todos nós em algum momento da vida enfrentaremos tempestades.
Não devemos tremer e se desesperar perante ela. Há um Deus maior do que toda esta situação. Se Ele permitiu que tamanha tempestade viesse na sua direção é porque Deus sabe que o tamanho e a potência dela é sua medida exata. E tal tempestade servirá para te elevar, não te destruir. Porém, vai depender da maneira que reagirá a ela.
Quando os discípulos naquele barco temeram diante da tempestade, Jesus de imediato veio ao encontro deles e lhes disse: “Tende bom ânimo! Sou eu! Não temais”. (Mateus 14:27)
O mesmo o Senhor fala para nós no dia de hoje!
Lembre-se que você não está sozinho em meio a essa situação. Saiba que só é possível vencer as tempestades da vida, quando paramos de focar na força da tormenta e focamos no poder do nosso Deus. O qual certamente nos capacita a lidar e vencer todas as intempéries.
Não é preciso fugir da tempestade, o Senhor nos dá força e capacidade para nos erguer ainda mais, com os seus fortes ventos e assim voar acima dela.
Nunca se esqueça disso:
Não são propriamente os pesos que nos leva ao chão e sim a maneira despreparada com que lidamos com eles.

 

Monýh Oliver

https://www.facebook.com/AbrigodaAlma/

Aquilo que não nos falta

 

Christ Lives, Apostolic Church _ Igreja Apostólica Cristo ViveJá parou para pensar, em quanto tempo perdemos nos lamentando, ficando chateados, irados ou até mesmo murmurando, por aquilo que queremos, mas ainda não conquistamos?
Perdemos tanto tempo focados naquilo que julgamos que nos falta, que nos esquecemos de valorizar e dar graças por tudo que já temos. Muitas vezes vivemos presos na corrida frenética da conquista de bens, não porque realmente precisamos e sim pelo simples fato de que queremos. A necessidade que alimentamos de ostentar o quanto somos bem sucedidos é algo que precisa ser reavaliado.
Mas quando nessa corrida absurda tropeçamos e não conseguimos aquilo que tanto almejamos, nos decepcionamos.
Você está triste porque não conseguiu trocar seu carro pelo último modelo? Já parou para pensar que isso pode ser um livramento de Deus em sua vida? Talvez se tivesse conseguido, você não passaria da próxima esquina com o seu carrão do ano, pois um salteador inescrupuloso poderia ceifar sua vida por causa do belíssimo automóvel.
Está triste por que não conseguiu comprar o celular da última geração? O mesmo horror podia acontecer!
Está chateada e anda nervosa por não conseguir fazer uma cirurgia estética para turbinar o corpo? Já parou para pensar que talvez durante o procedimento poderia haver complicações que poderiam deixar sequelas irreparáveis ou até mesmo roubar-lhe a vida?
As vezes Deus não nos concede tudo o que queremos, não é por maldade ou para nos privar de alegrias e sim é cuidado de Pai para com filho.
Ele sabe o que é melhor para cada um de nós. Ele apenas está nos preservando, pois muitas vezes as nossas vontades são nocivas a nós mesmos, porém não temos ciência disso.
É importante sim ponderarmos e de forma consciente priorizar o que almejamos alcançar, mas sem perder o foco e deixar de valorizar o que realmente importa e ser gratos por aquilo que não nos falta.
Sabe o que não nos falta?
Não nos falta o romper da aurora depois da alta densidade das trevas noturnas.
Não nos falta o sol depois de passado as chuvas tempestuosas.
Sabe o que nunca nos falta?
O amor! Não falo sobre um amor condicionado à beleza, atitudes, ou comportamento. Falo do amor real. O amor de Deus.
Por mais que falhemos e todos nos virem as costas, há um Deus que jamais nos despreza e nos abandona. Que conhece todas as nossas falhas e defeitos e mesmo assim nos ama incondicionalmente. Que nos ama o suficiente para nos aceitar como nos encontramos no momento, mas nos ama demais para permitir que continuemos como estamos. Ele nos motiva a melhorar, nos corrige com amor e amplia nossa visão para que vejamos o que verdadeiramente importa.
E se estais lendo essas palavras, não lhe faltou o fôlego de vida.
Que venhamos entender, priorizar, valorizar aquilo que não nos falta.
Que venhamos aprender que melhor do que bens materiais, são os bens imateriais.
Melhor que beleza exterior é a interior.
Melhor que holofotes é atrair a atenção de quem verdadeiramente importa – Deus.

 

Monýh Oliver

https://www.facebook.com/AbrigodaAlma/

Caixa de Pássaros se tornará filme!

A Editora Intrínseca divulgou que a Netflix adquiriu os direitos cinematográficos do livro Caixa de Pássaros, thriller de Josh Malerman. O responsável pelo roteiro será Eric Heisserer (A chegada). A diretora será a dinamarquesa Susanne Bier, e para o elenco, Sandra Bullock está confirmadíssima!

As gravações devem começar em setembro, em Los Angeles.

Intrínseca: “Envolvente e desesperador, Caixa de pássaros conta a história de um surto inexplicável que deixou poucos sobreviventes, entre eles Malorie e os dois filhos pequenos. Ninguém sabe o que exatamente é a causa, mas basta uma olhadinha para fora para desencadear um impulso violento e incontrolável, que acabará em suicídio.”

Dois novos livros de Harry Potter?!

É isso mesmo! Dois novos livros do universo de Harry Potter serão publicados pela Bloomsbury (editora que lançou a saga na Grã-Bretanha). As novas publicações não são continuações da história do menino que sobreviveu, nem de autoria da J.K. Rowling.  Foram escritos pela “equipe de curadores” da Biblioteca Britânica, segundo o site da Biblioteca.

Os livros se chamarão “Harry Potter – A Journey Through the History of Magic” (Harry Potter – Uma Jornada pela História da Magia) e “Harry Potter – A History of Magic” (Harry Potter – A História da Magia) e serão lançados no dia 20 de outubro, numa exposição que homenageará o vigésimo aniversário do lançamento de Harry Potter e a Pedra Filosofal, na Biblioteca Britânica.

O site da Biblioteca afirma que os livros serão o presente perfeito para fãs de Harry Potter, mentes curiosas, grandes imaginações, bibliófilos e leitores ao redor do mundo.

E você, está preparado para mais uma visita à Hogwarts? Eu já preparei meu malão, caldeirão e varinha, e aguardo ansiosamente o dia 20 de outubro!

Passos

wp_ss_20170719_0010Já parou para pensar na importância de nossos passos?
Há passos que nos leva adiante. Há passos que nos faz retroceder. Há passos que nos aproxima do objetivo e há passos que nos distância dele. O fato é que os passos que damos, envolve escolha, decisão, são elas que os move.
Há aqueles que diante das intempéries, diante das tragédias da vida, se deixam esmorecer. Caem em desânimo e acabam estacando, ficam parados no mesmo lugar. Outros que com muita dificuldade conseguiram avançar, acabam jogando fora o trabalho árduo e retrocedendo. Há ainda aqueles que optam por atalhos, que os levam a uma existência sofrida no mundo das drogas, ou até mesmo os levam ao suicídio. Os levam a abrir mão de um bem tão precioso que é a vida.
Os nossos passos podem nos levar para qualquer lugar. Agora cabe a nós escolher para qual lugar queremos ir e qual lugar vale a pena estar.
Talvez você que está lendo, esteja hoje em um lugar que não gostaria de estar. Talvez você reconhece que seus passos mais te distanciaram do que aproximaram daquele bom e tão almejado sonho. Saiba que esse não precisa ser o fim (por mais que pareça), se você quiser pode ser um novo começo.
É preciso dar vários passos tortuosos para nos afastar do bom caminho, mas é preciso apenas um para nos levar a ele novamente. Por mais que hajam feridas, por mais que as forças nos faltem, vale a pena não desistir da vida, vale a pena seguir em frente e o melhor de tudo isso é que não precisamos seguir nessa jornada sozinhos. Deus está disposto a caminhar conosco, a curar as nossas feridas, a nos fortalecer e compartilhar de Sua maravilhosa presença.
Por mais que você olhe em volta e vê que todos aqueles que você ama se foram, e por causa disso acha que não há mais motivo para continuar respirando. Saiba que se há fôlego de vida em ti é porque há um bom motivo para isso. Deus nunca se engana, não há acaso para Ele e sim propósito!
Não considere concluída uma obra, cujo o pincel ainda está na mão do artista. Saiba que Deus ainda está trabalhando!
Como foi dito anteriormente, não importa quantos passos foram precisos para te levar aonde está agora, você precisa de apenas um passo acertado para sair daí, que é querer mudar e recomeçar da forma correta. Lembre-se…
Os nossos passos podem nos levar para qualquer lugar, seja ao cume, ou seja ao declínio. Cabe exclusivamente a cada um de nós escolher para qual lugar queremos ir, cujo lugar vale a pena estar.

 

Monýh Oliver

https://www.facebook.com/AbrigodaAlma/

Há um motivo para todas as coisas

___ me escrevendo, tecendo poesia com os retalhos do meu viverEnfrentar dificuldades em qualquer momento da vida não é fácil. As vezes situação adversas nos sobrevêm, e o impacto de sua chegada nos causa feridas, que por um certo tempo irá latejar e nos incomodar.
Porém essas feridas não tendem a ser eternas. Há um tempo determinado para todas as coisas, inclusive para as feridas se curarem.
Veja na nossa realidade por exemplo, as vezes, há algo de errado em nós e isso afeta nossa saúde.
Quando consultamos um médico, ele nos declara que é necessário uma intervenção cirúrgica para a definitiva remoção do problema, que vem nos causando tanto mal e muitas vezes o processo de recuperação acaba sendo longo.
Além de tempo o processo exige de nós uma mudança de hábito, que envolve uma determinada dieta, uso de remédios e até o repouso absoluto. Mas o fato é que quando seguimos as orientações médicas, a cura ocorre e saímos dessa situação fortalecidos e com uma certa experiência dos fatos.
As vezes não entendemos o porquê de todas as coisas. Porque certas situações nos acomete. Mas o que acontece é que estamos questionando de forma errada. Ao invés de perguntarmos o “porquê”, devíamos perguntar “o que”. O que podemos aprender com essa situação? Deus não se agrada com o sofrimento humano, e se Ele permite que situações adversas nos acometa, não é simplesmente para nos ver sofrer e sim para nos ensinar algo. E especialmente durante esse período, Ele está próximo de nós para nos consolar e fortalecer, para que possamos suportar.
Há um motivo para todas as coisas. Nos planos de Deus não há acaso e sim propósitos que faz parte de um plano perfeito. Deus sabe o que faz!
Há um tempo para todas as coisas…
Para o choro passar. Para a dor se findar. Para a ferida que se abriu se curar. Para a noite terminar e o sol raiar. Apenas permita que o Médico dos médicos cuide do seu caso. Permita que Ele cuide de você. Siga suas orientações e saírá dessa situação ainda mais fortalecido(a).

 

Monýh Oliver

https://www.facebook.com/AbrigodaAlma/

A Melodia Feroz – Victoria Schwab

img_2604.jpg

Confesso que a premissa de A Melodia Feroz, a primeira vista, não me conquistou tanto assim. Este foi o livro-surpresa que recebi na edição de Maio do Turista Literário e a sinopse dá editora dá a entender que encontraríamos uma situação meio Romeu e Julieta: dois filhos dos líderes de dois terrítorios inimigos, Norte e Sul. Mas que bom que eu confiei na curodaria do Turista porque esse livro é tão maior do que parece a princípio!

Neste primeiro volume da duologia Monstros da violência, somos apresentados a dois personagens e suas famílias. No Sul vive August Flynn, o monstro que busca lutar contra sua natureza e ser o mais humano que ele puder, junto com seus irmãos, Ilsa (♥) e Leo, e seus pais, Henry e Emily. No Norte, voltando para casa, está Kate Harker, a filha do líder da região, Callum Harker, que, mesmo sendo humana, busca se tornar cada vez mais monstruosa, pois o vê como a única forma de ser aceita e respeitada pelo pai, que governa pelo medo.

O que me conquistou logo de cara nesta história foi o fato de que os monstros, como August, são criados por meio da violência. Não por um cientista maluco, ou por algum fenômeno sobrenatural, mas como consequência direta de atos de extrema violência. Schwab nos mostra um mundo, portanto, em que atos extremos de violência possuem uma consequência muito palpável. Aqui, não dá para concordar com o discurso da guerra, por exemplo, pois a violência literalmente gera mais violência.

Quando alguém aperta um gatilho, dispara uma bomba, faz um ônibus cheio de turistas cair da ponte, o resultado não são apenas escombros ou cadáveres. Existe outra coisa. Algo mau. Uma consequência. Uma repercussão. Uma reação a todo o ódio, dor e morte. O Fenômeno era isso na verdade: um ponto crítico. Veracidade sempre tinha sido violenta – o pior dos dez territórios -, era apenas uma questão de tempo até todo esse mal começar a tomar forma.

Além disso, a escrita da autora, como quem já leu suas outras obras deve saber, é muito gostosa e, antes que você perceba, você já está completamente envolvido com os personagens e com uma inacreditável cadeia de eventos que não parece aguardar boa coisa para nossos protagonistas. Já estou completamente desesperada pela continuação e cogitando seriamente comprar a edição gringa mesmo por pura ansiedade. Se é uma história assim que você anda querendo, leia A Melodia Feroz que você não vai se arrepender!

Assassinato no Expresso do Oriente: o filme!

A adaptação cinematográfica da obra de Agatha Christie já tem data de estreia prevista: 23 de novembro de 2017! O longa conta com nomes bastante conhecidos como Johnny Depp (Edward Mãos de Tesoura e Piratas do Caribe), Michelle Pfeiffer (Scarface e Mentes Perigosas), Judi Dench (Philomena e Orgulho e Preconceito) e Willem Dafoe (O caçador e De volta ao jogo), dentre outros. Kenneth Branagh será Hercule Poirot e atuando também como diretor do projeto!

O trailer você assiste aqui:

Sinopse Oficial

Várias pessoas estão fazendo uma viagem longa em um luxuoso trem. A paz, entretanto, é perturbada por um acontecimento sinistro: um terrível assassinato. À bordo da composição está ninguém menos que o mundialmente reconhecido detetive Hercule Poirot (Kenneth Branagh) que se voluntaria para iniciar uma varredura no local, ouvindo testemunhas e possíveis suspeitos para descobrir o que de fato aconteceu. 

COMPLEMENTO AO POST: Um dos leitores do blog apontou que o filme que estreia esse ano é, na verdade, uma refilmagem! Em 1974 foi lançada a primeira adaptação cinematográfica da obra, cujo elenco conta com grandes nomes do cinema como Albert Finney (O Ultimato Bourne, 007 – Operação Skyfall), Sean Connery (007 Contra Goldfinger, Moscou Contra 007) e Lauren Bacall (Como Agarrar Um Milionário, Encontro Marcado com a Morte). Obrigada, josewaenyescritor!

%d blogueiros gostam disto: